Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Natal SAPO Angola


Terça-feira, 01.11.11

Anedotas de Natal

Quem paga?


Uns miúdos brincavam à porta da igreja da Nª Srª dos Remédios, na época de Natal, até que um deles sem querer parte um dos bonecos do presépio. Passados alguns minutos chega o Sr. Padre:

- Quem é que partiu o pastor?

Ficam muito calados até que depois de muita insistência o culpado se acusa.

- Então tens de pagar o estrago.
- Eu não tenho dinheiro Sr. Padre.
- Então paga o teu pai.
- Eu não tenho pai.
- Paga a tua mãe!
- Também não tenho mãe...
- Então não tens ninguém? Estás sozinho no mundo?
- Não! Eu tenho uma irmã mais velha.
- Pronto paga ela.
- Ela também não pode pagar, não tem dinheiro. É freira.
- Não se diz freira. Diz-se esposa de Cristo.
- Ok, então o meu cunhado que pague!

 

--------------------------------------------------------------

No Tribunal

 

Era época de Natal e o juiz sentia-se benevolente ao interrogar o réu.

- De que é acusado?

- De fazer as compras de Natal antes do tempo.

- Mas isso não é crime nenhum!!!! Com que antecedência as estava a fazer?

- Antes de a loja abrir.

 

--------------------------------------------------------------

As Bonecas

A mãe pergunta à filha mais nova:

- Então o que gostavas que o Pai Natal te desse este ano?
- Um contraceptivo.
- O quê? Um contraceptivo?
- Sim, é que eu tenho cinco bonecas e não quero ter mais nenhuma!

 

--------------------------------------------------------------

O Joãozinho e a carta ao Menino Jesus

 

O Joãozinho queria uma bicicleta nova. E a mãe disse-lhe para escrever uma carta ao menino Jesus, porque ele não se tinha portado muito bem. Ele resolveu sentar-se e escrever a tal carta:

“Querido Jesus: Fui um menino bonzinho este ano e gostava de ganhar uma bicicleta nova. Do teu amigo, Joãozinho.”

Mas o Joãozinho lembrou-se que, na verdade, Jesus sabia que tipo de menino ele era.

 

Então, rasgou a carta e resolveu tentar mais uma vez.

“Querido Jesus: Tenho sido um menino querido este ano e quero uma bicicleta nova. Sinceramente, Joãozinho.”

Bom, o Joãozinho sabia que não estava a ser totalmente honesto.

 

Rasgou mais esta carta e ... olhou para o fundo da sua alma, o que aliás, era o que a sua mãe queria desde o começo.

 

Amassou a carta, saiu para a rua e entrou numa igreja.

 

Meditou sobre o que ia fazer e repentinamente agarra numa imagem de uma santa e sai a correr para casa. Escondeu a santinha debaixo da sua cama e escreveu a seguinte carta:

“Jesus, tenho a sua mãe! Se quiser vê-la novamente, dê-me uma bicicleta! Assinado: Você sabe quem.”

 

--------------------------------------------------------------

A carta ao Pai Natal

“Querido Pai Natal:

Deixei leite e biscoitos para ti debaixo da árvore e cenouras para as renas nas traseiras.

Beijinhos da Nair”.

E Pai Natal responde à carta:

“Querida Nair:

O Leite dá-me diarreia e as cenouras dão gases às renas que os largarão na minha cara.

Queres ser simpática? Então deixa-me um copo de Chivas Reagal e um Toblerone.

Assinado: O Pai Natal.”

 

--------------------------------------------------------------

Quanto custa o Natal?

 

O miúdo pergunta ao pai:

- Oh pai, quanto custa o Natal?...

O pai responde:

- Não sei filho mas tua mãe consegue sempre surpreender-me... ainda estou a pagar o Natal de há dois anos atrás!!

 

--------------------------------------------------------------

Procura-se noiva de Natal

 

Um homem decidiu colocar um anúncio no jornal que dizia:

- Preciso de mulher para passar este Natal.

No dia seguinte recebeu mais de cem respostas a dizer:

- Podes ficar com a minha!!!

 

--------------------------------------------------------------

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


PUB


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.